• Anthracinum

    Anthrac­inum

    Anthrac­inum é um remé­dio home­opáti­co com uma ampla gama de apli­cações, espe­cial­mente em condições de pele como acne, furún­cu­los, car­bún­cu­los, erisipela e gan­grena, este remé­dio é indi­ca­do em todos os casos de furún­cu­los e erupções semel­hantes, sendo espe­cial­mente útil em casos de “sucessão de furún­cu­los” ou car­bún­cu­los.

    Car­ac­ter­i­za­do por uma queimadu­ra ter­rív­el com car­bún­cu­lo e por suas pro­priedades cura­ti­vas na febre espléni­ca e na pús­tu­la maligna, Anthrac­inum tam­bém tra­ta erisipela, celulite e out­ros sin­tomas como dor de cabeça, inchaço da cabeça e paro­tidite gan­grenosa.

    No abdó­men, pode provo­car sen­sação de empurrão do diafrag­ma para frente, aumen­to do baço e dor abdom­i­nal com arrepios. Tam­bém pode causar vômi­tos segui­dos de diar­reia san­guino­len­ta e colap­so tipo cólera.

    Os sin­tomas car­dio­vas­cu­lares incluem bati­men­tos cardía­cos fra­cos, cianose e sangue que não coag­u­la, enquan­to nas costas e mem­bros pode causar glân­du­las axi­lares inchadas, dores artic­u­lares e ede­ma.

    Entre os sin­tomas gerais, Anthrac­inum pode causar inqui­etação, espas­mos mus­cu­lares e exaustão. Na febre, apre­sen­ta uma erupção cros­tosa e exsuda­ti­va, comichão, bol­has pre­tas ou azuis e úlceras desca­ma­ti­vas, entre out­ros sin­tomas.


tradutor
error: Content is protected !!