• Buthus australis — Cobra

    Buthus aus­tralis — Cobra

    Men­tal

    Os Sin­tomas men­tais, como Sil­icea (Sil), são prin­ci­pal­mente irres­olução, pros­tração men­tal, fal­ta de auto-con­fi­ança, choran­do, indis­pos­to a falar, indifer­ença para as coisas exter­nas, ansiedade e fal­ta de con­cen­tração. ” (Stephen­son)

    Ansiedade. Irres­olução. Mudança de humor, às vezes loquaz, às vezes tac­i­turno, às vezes prostra­do, às vezes inqui­eto. Cho­ra. Medo do futuro, espe­cial­mente às 19 horas. Logor­reia.

    Gen­er­al­i­dades

    “Clini­ca­mente, Buthus em diluição home­opáti­ca tem sido útil no trata­men­to de um esquizóide exibi­cionista, e em diluições bru­tas tem sido útil em adição a dro­gas “. (Stephen­son)

    “Fri­al­dade tão ger­al como Sil­icea (Sil) com extrem­i­dades frias e geladas, calafrios asso­ci­a­dos com dores torá­ci­ca e cer­vi­cal. Curiosa­mente, o escor­pião em seus hábitos próprios mostra a imagem opos­ta. É inten­sa­mente sen­sív­el ao calor e irá mor­rer rap­i­da­mente se deix­a­do aos raios dire­tos do sol trop­i­cal. Por­tan­to, é um caçador noturno, per­manecen­do escon­di­do debaixo de pedras durante o dia “. [Stephen­son]

    Cabeça pesa­da, cefaleia frontal. Tra­bal­ho int­elec­tu­al doloroso ou repul­si­vo. Febre e arrepios.

    Inibição da von­tade e das fac­ul­dades ati­vas.

    Sis­tema Ner­voso

    Cefaleia late­jante, lugar e inten­si­dade igual­mente var­iáveis. Sen­sação de grande fadi­ga, sonolên­cia e insen­si­bil­i­dade. Ver­tigem enquan­to cam­in­ha.

    Apar­el­ho diges­ti­vo

    1. Boca: Sali­vação abun­dante. Deg­lu­tição difí­cil.
    2. Abdô­men: dor com frio. Diar­reia.

    Sis­tema Car­dio-hemo-vas­cu­lar

    Sen­sação de calor no topo do coração. Como se um pedaço de madeira fos­se inseri­do entre o coração e o pul­mão.

    Apar­el­ho res­pi­ratório

    Con­strição na gar­gan­ta. Res­pi­ração ofe­gante, com pal­pi­tações.

    Olhos

    Ver­mel­hos, lac­rimosos com foto­fo­bia. Glo­bos ocu­lares afun­da­dos. Estra­bis­mo.

    Nar­iz

    Espir­ros.

    Apar­el­ho loco­mo­tor

    Dores mus­cu­lares das clavícu­las e rigidez do pescoço. Tremor das extrem­i­dades. Mãos estão frias durante o calafrio. Cam­in­har doloroso e as per­nas pare­cem não quer­er se mover, ape­nas ir para trás, em vez de ir para a frente.

    Pele:

    Pon­tos ver­mel­hos; formiga­men­to; Pruri­do.

    Suores frios, espe­cial­mente à noite.

    Sen­sação de fer­roadas.

    Modal­i­dades:

    Mel­ho­ra: Enquan­to come; pelo repouso.

    Agravação: Por esforços; de tarde; durante o calafrio.

    Peri­od­i­ci­dade anu­al.

    Diag­nós­ti­co pos­i­ti­vo

    Ansiedade, con­strição torá­ci­ca.

    Sen­sação como se um pedaço de madeira estivesse inseri­do entre o coração e os pul­mões.

    Ataques de febre com frio.

    Extrem­i­dades frias com dor ardente na pele.

    Hiper­sialor­reia.

    Diag­nós­ti­co clíni­co

    Dis­túr­bios da menopausa com depressão men­tal.

    Todas as sali­vações sin­tomáti­cas.

    Hipoten­são em condições infec­ciosas.

    Insu­fi­ciên­cia res­pi­ratória em cur­so de bron­cop­neu­mo­nias e car­diopa­tias.

    Esta­do infec­cioso com febre, calafrio, pros­tração, agrava­da ao anoite­cer.


tradutor
error: Content is protected !!